19 de setembro de 2022

Amplifying Voices from Peripheral Territories” arrecada 70% da meta e entra na cena Nova-iorquina de fundraising

O evento aconteceu na última quinta-feira (15), no BTG Pactual, em Nova York, e contou com a amplificação de vozes atendidas pela Vozes das Periferias.
A sociedade brasileira em Nova York com o empresariado mostrou generosidade e fez com que a ONG Vozes das Periferias arrecadasse cerca de 30 mil dólares em seu primeiro evento.

Estiveram presentes no evento da ONG Jacqueline Conrado, xxx da United Airlines no Brasil, Victoria Queiroz, da marca Alexandre Birman que pertence ao grupo Arezzo&Co, Eduardo Lyra, CEO da Rede Gerando Falcões, Rebecca Tavares, CEO da BrazilFoundation, entre outras personalidades do mercado financeiro e social que atuam no Brasil.

A ONG atua nas favelas da Vila Prudente e Jardim Sinhá democratizando oportunidades de acesso à cultura, esporte, qualificação profissional e geração de renda, bem como de comunicação, e já impactou mais de 350 mil pessoas em 9 anos de existência.

Cesar Gouveia, CEO e fundador da ONG, destaca a importância do evento. “Quebramos mais um teto que existia sob os jovens das favelas do Jardim Sinhá e da Vila Prudente. Isso é muito importante. Mas mais que isso, é o que estamos levando para o Brasil, os aprendizados, as conexões, as possibilidades e o recurso que vai ser integralmente aplicado na ponta”, disse.

O evento também homenageou os padrinhos e madrinhas da organização social: Alyson & Will Landers e Simoni & Maurício Morato com o prêmio “Amplificador de Vozes das Periferias”. Os dois casais fazem parte do programa Padrinhos e Madrinhas da favela da Rede Gerando Falcões e tem como premissa fortalecer o ecossistema filantrópico do Brasil por meio de apoios financeiros e mentorias para líderes sociais.
Junto com a homenagem aos padrinhos e madrinhas, outro Amplificador de Vozes das Periferias também foi homenageado, Edu Lyra, da Gerando Falcões, que também doou para a ONG e destacou que para líderes sociais como Cesar Gouveia continuar impactando vidas é necessário que a sociedade ofereça-lhes o combustível.
Grandes marcas como United Airlines, Uber Brasil, Ambev, Alexandre Birman e BTG Pactual apoiaram a iniciativa e levaram a ONG .
Compartilhe nosso conteúdo!


Please set the Disqus ShortName in block Settings


notícias relacionadas